Evolução junto ao mercado
Atenta às transformações, PG Mais aposta na manutenção do crescimento com investimento em soluções inovadoras
24 Setembro 2018  |  06:44h
A - A +
Data:
Cidade:
Thiago Gomes e Paulo Gastão
Se olhar para o mercado alguns anos atrás e comparar com o que se tem hoje, será evidente a evolução das estratégias de relacionamento com cliente. O salto na qualidade do atendimento é visível. Porém, na visão de Paulo Gastão, CEO da PG Mais, ainda há o que ser feito para contribuir e possibilitar que empresas melhorem a comunicação e o relacionamento com seu público alvo. Tanto que ainda vê espaço para a empresa crescer no mercado. "Sempre existe espaço! Basta perguntar para um consumidor, por exemplo, se ele deseja ser melhor atendido. Da mesma forma, pergunte a uma empresa se ela deseja melhorar os seus processos e otimizar os seus resultados. A resposta sempre será sim!", destaca o executivo, que possui ampla experiência na atividade.

Assim, o plano da PG Mais é continuar evoluindo dentro dos segmentos que já atua, conquistar outros e investir na expansão internacional. Só para esse ano, a expectativa é de crescer 20%. Para isso, a estratégia é reunir tecnologia de referência para desenvolver as melhores soluções. "Estamos plugados com o que há de melhor no mundo em termos de tecnologia e inseridos nos principais centros de desenvolvimento e de inovação como CPQD, Cubo do Itaú, FAE District, InovaBra para acelerar nossa capacidade de desenvolvimento e inovação." Dessa forma, a empresa pretende continuar investindo na criação de soluções e produtos para aumentar o portfólio (eram 15 em 2017, enquanto, em 2018, já são 21), e manter o investimento nas plataformas Unique e Kami. "A transformação digital está apenas começando e precisamos mergulhar de cabeça nesse processo de mudança para se manter sempre à frente no mercado."

Ao olhar para esse mercado, Gastão comenta que, apesar de alguns setores terem certa resistência à inovação tecnológica, a grande maioria já entendeu que quem não se digitalizar vai ficar pelo caminho. "CEOs, empresários e até mesmo empreendedores de menor porte buscam soluções para tornar seus negócios mais rentáveis, produtivos e inovadores e o caminho pra isso, é a transformação digital." Para ele, esse é o futuro, com uma tendência saltando aos olhos e se destacando mais que as outras: a Inteligência Artificial. "Ela veio para ficar, então é preciso dedicar atenção e muito trabalho a isso. A PG conseguiu enxergar já há algum tempo que uma nova era estava surgindo e se preparou com empenho. Tanto que no primeiro semestre deste ano nós já estávamos prontos para lançar a Kami, nossa plataforma de inteligência artificial cognitiva", conta.

O segredo para estar em linha com essas tendências, de acordo com o executivo, é ter um olhar atento para o cliente, o comportamento do consumidor, as inovações tecnológicas e o contexto econômico e cultural em que se está inserido, além do conhecimento apurado sobre o mercado. "Quanto mais sensíveis formos aos sinais ou interferências vindas de todas essas esferas, mais estaremos prontos e seremos capazes de atender às novas necessidades do mercado." Em paralelo, a empresa também mantém parceria com players tecnológicos para incrementar os processos de inovação dos clientes.

Ele explica que o objetivo estratégico da PG está diretamente relacionado às necessidades do mercado. "Nos posicionamos como parte deste business, somos resultado das necessidades desse negócio. Essa relação cria um movimento natural que nos torna sensíveis à cada nova movimentação do mercado. Temos uma postura atenta, ouvimos o cliente e nos perguntamos constantemente como podemos ser parte da solução dos seus problemas", pontua Gastão, acrescentando que para o futuro a empresa continuará investindo em tecnologia e inovação, "desenvolvendo cada vez mais o seu propósito de ser uma empresa que oferece os melhores canais de relacionamento, geração de conhecimento, possibilitando aos clientes desenvolver ou oferecer ao seu público a melhor experiência com os melhores conceitos".

Saiba mais sobre a PG:

Criada para suprir gap no mercado de crédito, PG Mais se consolida como desenvolvedora de soluções para relacionamento e gestão do conhecimento

Com investimento de R$ 3 mi, PG Mais lança plataforma de inteligência artificial cognitiva para atendimento por texto e voz

Fonte:
Tags:
Comentários

As opiniões expressas nos comentários são de única e exclusiva responsabilidade de seus autores e não expressam a opinião deste site. Comentários ofensivos ou que violem a legislação vigente serão suprimidos.


* seu e-mail não será publicado.

Enviar Comentário