Banco Neon transforma dados em insights
Plataforma de inteligência permite conhecer o cliente para desenvolver novos negócios e novas experiências
6 Dezembro 2017  |  15:09h
A - A +
Data:
Cidade:
Com um formato 100% digital, o Banco Neon opera sem agências físicas. Ou seja, o contato com os 350 mil usuários é totalmente digital. Diante disso, entender o comportamento dos clientes é algo fundamental para que entregar a melhor experiência possível, como explica Alexandre Alvares, CMO do Neon. "Conseguir analisar os números por trás do uso nosso produto nos ajuda a priorizar o desenvolvimento de serviços financeiros, além de colaborar, também, com a definição de aonde devemos focar nossos esforços." Para atingir esses objetivos, o Banco Neon decidiu implementar a plataforma Tableau de inteligência de negócios. Nessa empreitada, o Banco Neon contou com serviços prestados pela Econocom.
 
Segundo Alvares, os resultados do uso da plataforma de BI/Analytics dentro do Neon já se fazem notar. "Quando iniciamos esse processo, esperávamos - e já estamos conseguindo - conquistar uma visão completa e integrada do comportamento dos nossos usuários. Essa análise deveria ser feita de forma profunda e detalhada, com um acesso fácil para quem precisa." Em poucos meses de uso do Tableau os profissionais do Banco Neon já conseguiram elevar consideravelmente o nível de visibilidade sobre os negócios. "E, a cada novo painel, o processo se torna mais rápido", observa o executivo.

Para André Pedrosa, country manager da Econocom Brasil, o Banco Neon vive plenamente a transformação digital e encontra, no Tableau, uma forma de transformar dados em insights que irão gerar novos negócios e novas experiências para os correntistas. "A cultura de inovação e ousadia do time Neon exige que se tenha plena visibilidade sobre os negócios - isso é algo que a plataforma Tableau entrega, de modo rápido, consistente e atraente." A solução também já vem com conectores prontos para os grandes repositórios de dados corporativos como Oracle, SAP, SalesForce, etc. 
Fonte:
Tags:
Comentários

As opiniões expressas nos comentários são de única e exclusiva responsabilidade de seus autores e não expressam a opinião deste site. Comentários ofensivos ou que violem a legislação vigente serão suprimidos.


* seu e-mail não será publicado.

Enviar Comentário